( A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W Z



Back to: "R"

rajada
Definição1
1 Aumento repentino e pronta diminuição do vento em ciclos muito breves e contínuos causados pela turbulência; 2 Em meteorologia aeronáutica, a rajada é um aumento da velocidade do vento em relação a uma velocidade média, correspondente a um intervalo de 10 minutos. Este aumento deve ser igual a 10 nós ou maior, (ou de 5 m/s) e deve se produzir num segundo pelo menos, porém não mais de 20 segundos; 3 Entende-se por caráter do vento , o aspecto de continuidade com que o vento sopra. Por diversas razões, a velocidade do vento em algumas ocasiões é extremamente variável. Quando estas variações ocorrem com grande rapidez e ultrapassam determinados limites de velocidade, o fenômeno chama-se rajada. Na aeronáutica o fenômeno de rajadas adquire interesse nas operações de pouso e decolagem de aeronaves. Por esta razão os observadores têm que se manter atentos na observação do vento quando a velocidade se apresentar com grandes variações; 4 (volley) Espécie de tiro em que cada peça dispara um número determinado de vezes.
Fonte1
ANTAS, Luiz Mendes. Glossário de termos técnicos. São Paulo: Traço, 1979. 756 p. (Coleção Aeroespacial; t. 1.)
Fonte2
AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL. IS 00-002 Revisão B: Fichas de Avaliação de Piloto - FAP. Disponível em: http://pergamum.anac.gov.br/arquivos/IS00-002B.PDF. Acesso em: 06 mai. 2016.
Contexto
Em aviões equipados com bequilha na cauda (exceto em avião Aeroboero), o examinando deve executar, pelo menos, um pouso de pista de maneira adequada às condições de vento forte e rajada.
Subárea
Meteorologia Aeronáutica
Espanhol
ráfaga