Página Principal
 
Tarifas Aéreas
 

O Relatório de Tarifas Aéreas apresenta dois indicadores econômicos de preços de passagens aéreas no Brasil: o Yield Tarifa Aérea (que apresenta o valor médio pago por passageiro em cada quilômetro voado) e a Tarifa Aérea Média (que representa o valor médio pago por passageiro em uma viagem aérea).
Os indicadores são calculados a partir das informações dos bilhetes de passagem emitidos correspondentes à comercialização dos serviços de transporte aéreo público regular de passageiros no Brasil, mensalmente registradas na ANAC pelas empresas aéreas.

A metodologia de cálculo dos indicadores do mercado doméstico considera a origem e o destino dos bilhetes aéreos, independentemente da rota, escalas e conexões, e contempla as tarifas comercializadas em todas as linhas aéreas regulares de passageiros entre aeroportos brasileiros, conforme estabelecido na Resolução nº 140/2010 e na Portaria ANAC nº 804/SRE/2010.

Não são considerados no cálculo dos indicadores os dados de: tarifas corporativas; tarifas vinculadas a pacotes terrestres e turísticos; tarifas de fretamento; assentos oferecidos gratuitamente ou com desconto diferenciado a tripulantes ou empregados da empresa aérea; assentos oferecidos gratuitamente ou com desconto diferenciado a crianças; e programas de fidelização, pontuação, milhas ou similares.

Estão disponíveis no Relatório de Tarifas Aéreas os dados do mercado doméstico de janeiro de 2002 em diante, expressos em valores nominais e também em valores atualizados pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Dúvidas, críticas e sugestões a respeito do Relatório de Tarifas Aéreas poderão ser registradas aqui, por meio da central de atendimento 163 ou nos postos de atendimento presencial localizados nos aeroportos de Brasília (DF) e Guarulhos (SP).

As apresentações, as conclusões e outras informações do Seminário 10 Anos de Liberdade Tarifária no Transporte Aéreo Doméstico, promovido pela ANAC no dia 21 de novembro de 2012, podem ser consultadas aqui.

 
 
Atualizado em 11/08/2015, às 10h30