Página Principal
 
Demanda e Oferta do Transporte Aéreo
 

O Relatório de Demanda e Oferta do Transporte Aéreo tem o objetivo de permitir o acompanhamento da variação da oferta e da demanda de passageiros e de carga no modal aéreo, da taxa de aproveitamento das aeronaves e da participação de mercado das empresas brasileiras de serviços de transporte aéreo público, assim como subsidiar a realização de estudos sobre o setor. Contempla dados de voos regulares e não regulares correspondentes ao mês de referência e ao acumulado no ano, assim como a série histórica mensal dos indicadores, a metodologia de apuração e a legislação aplicável.

A divulgação sistemática destes dados foi iniciada em janeiro de 2006 e era denominada de Dados Comparativos Avançados, contemplando, inicialmente, apenas os dados de ASK e RPK. Até janeiro de 2011 o relatório era gerado com base na remessa de informações preliminares prestadas pelas empresas aéreas à ANAC, porém, não normatizadas.

Em fevereiro de 2011, os Dados Comparativos Avançados passaram ser gerados a partir dos Dados Estatísticos, os quais são enviados à ANAC pelas empresas aéreas em cumprimento a normativos editados por esta Agência Reguladora e, sendo assim, viabilizando a fiscalização sistemática das informações e assegurando um maior nível de padronização e de consistência.

Os dados estatísticos do transporte aéreo no Brasil são mensalmente registrados na ANAC pelas empresas brasileiras de transporte de passageiros, carga e mala postal, conforme a Resolução nº 191, de 16 de junho de 2011, e a Portaria nº 1.189, de 17 de junho de 2011. Os dados trazem informações a respeito de todas as etapas de voo regular ou não regular realizadas no mês de referência, origem e destino, horários de pouso e decolagem, quantidade de passageiros e carga transportados, entre outros.

A partir do mês referente a novembro de 2013, o relatório passou a ser denominado Demanda e Oferta do Transporte Aéreo e apresentado em um formato que propicia uma melhor compreensão da evolução do setor. O novo relatório contempla ainda mais informações, tais como: quantidade de carga transportada; quantidade de passageiros transportados; e participação do modal aéreo no transporte interestadual de passageiros de longa distância em comparação com o modal rodoviário.

Dúvidas, críticas e sugestões a respeito do Relatório de Demanda e Oferta do Transporte Aéreo poderão ser registradas aqui, por meio da central de atendimento 163 ou nos postos de atendimento presencial localizados nos aeroportos de Brasília (DF) e Guarulhos (SP).

Clique aqui para consultar os relatórios mensais de Demanda e Oferta do Transporte Aéreo.

 
 
Atualizado em 26/12/2013, às 16h